quarta-feira, 5 de outubro de 2011

Resenha - O Misterioso Sr.Spines - ASAS


O misterioso Sr Spines ASAS
Jason Lethcoe


 
Autor: Jason Lethcoe
Editora: Farol

Acabamento: Brochura

Edição: 1 / 2011

Idioma: Português

Número de Páginas: 166
Categoria: Literatura Infanto-Juvenil / Literatura Juvenil

                                       ***
Logo após a morte de Sarah Jane Macleod, mãe de Edward Macleod, de câncer. Ele é levado por sua tia para a Fundição de Aço Portland, lugar onde aparentemente é especializado em pessoas com problemas de aprendizado. O que tinha sido prometido eram só algumas semanas, que no final se tornaram meses e anos.
  Aos seus catorze anos de idade, Edward se vê com 1,98 de altura, desengonçado e fora dos patrões da Fundição. Instituição que, para ele, serve somente para treinar jovens trabalhadores.
   Como todo adolescente, ele é motivo digamos de “Bullying” (porque agora virou popular falar essa palavra). Ele não entendia o porquê de uma coceira, que apareceu alguns dias, insistia em continuar incomodando. O comichão estava insuportável nas suas costas. Tentando se coçar com todos os objetos possíveis (Não estou falando de falta de banho).

O que poderia ser isso?

   Quando por alguma razão consegue derrubar uma estante, apenas pelo desejo que isso acontecesse, ele começa á se questionar. Colocado em um porão com o seu rival John Grudgel, ou Grude, eles conhecem Chicotada Scruggs, sua presença fazia as costas de Edward queimar. Com habilidade de construir arquiteturas com cartas de baralho, ele tenta escapar de um mal que nem imaginava conhecer.   
O que Chicotada estava escondendo?

Depois de uma tentativa frustrante de fugir, Edward sente que vai morrer e suas costas rasgando a pele.

“Edward Gritou. Ouviu-se um horrível som de dilaceração e as duas pontas atravessaram sua pele. As pontas das agulhas estavam presas a dois objetos grandes e pretos que se projetaram para trás de suas costas enquanto emergiam, rasgando em pedaços a parte de trás de seu suéter”. (Página 52/Capitulo Sete)

“O que surgiu em suas costas eram duas asas, levemente úmidas, negras. E definitivamente, eram reais”. (Página 53/Capitulo Sete)

   Quando salvo quase morto, por um meio humano, meio porco espinho, ele conhece o misterioso Sr Spines (Uma guardião caído, protetor designado para vigiar os mortais e enfrentar as forças do Chacal em combate), protegendo o que seria o reconstrutor das Pontes.
  Fugindo finalmente da Fundição, começa a contar um lado totalmente diferente da história. O misterioso Sr Spines, é um guardião que já foi chefe dos Sete Mundos, tendo habilidades como invenções e artesão.
 Um mundo completamente novo é mostrado ao garoto, que se assusta com informações recebidas do Sr Spines e de seus aprendizes Sariel e Artemis (também transformados em animais). 

Uma profecia foi destinada.

“Há sete pontes entre os mundos e cincos delas de partiram.
A sexta não tem amurado para se agarrar, a sétima foi roubada.
Cativos então, os mortos errantes por uma época giraram pelo mundo.
Quando a meio caminho do reino mortal, um construtor retornará, os campões se levantarão,
Mas a Terrícola decaída (guardiões caídos servos do Chacal)
Ou
O gentil Guardião.
Sua Sorte Decidirá”.
(Página 64/Capítulo Nove)

Edward tinha uma missão...

   Chacal (antigo inimigo dos guardiões) era um deles,quando caiu por não achar digna sua posição nos Lugares Altos,seu corpo foi dilacerado pelas pontes que destruiu. A maior parte do seu corpo é maquina atualmente. Ele quer voltar, porém precisa do garoto Macleod para isso. Como é um Guardião, ele tem a força para construtor as pontes (mesmo ele não sabendo o que seria isso) necessitando de usa aptidão para a realizar tal feito.

“O filho profético de um guardião e de uma mortal, reconstruirá as pontes entre os mundos, destruídos pelo Chacal”.




Terrícolas estão em toda parte caçando-o.
Edward terá que descobrir os segredos deste novo mundo.
Uma batalha entre planos.
Que ligação a mãe dele tem com tudo isso?
Será que nesta batalha celestial, conseguiremos encontrar sua mãe?

Com asas, poderes e cantigas, ele enfrentará seu maior inimigo. Maior ainda até mesmo de Grude.

Uma história repleta de aventuras e músicas.

Quem será esse Chacal?

Sete pontes destruídas, o quê?

A salvação estava em suas mãos

Venha voar nas ASAS da imaginação.

Entre o céu e a terra.

O duelo apenas começou.


Opiniões pessoais
Agora é a minha parte pessoal. Apesar de o livro ter mais ou menos 150 páginas, a história é bem elaborada e muito cativante. Claro que ficamos mordendo fronha, pois não temos continuação lançada ainda no Brasil. A editora Farol, está mandando muito bem em suas publicações, vou ficar morrendo de vontade de ler VOÔ, o segundo livro da série. Eu tenho as capas dos próximos volumes. Estava entrando na net e encontrei. O Nome do terceiro livro, e último pelo o que eu entendi em inglês se chama SONG, no Brasil deve se chamar Canção, ou algo do gênero. Então pessoal ao perca a chance de ler uma narração fantástica, leitura que para mim foi de dois dias, mas vocês conseguem em um dia, podem acreditar.


Capas dos próximos livros



Primeiro volume - Asas

Segundo volume - Voô












Terceiro e último volume "Canção"




Foi isso pessoal.
Espero que tenham gostado.

3 comentários:

Igor Gouveia disse...

Adoro as capas da série. (:

Tatá disse...

Nossa Luh
Adorei a resenha
Parabens
Vc me dexo curiosa pra ler (malvado)
A capa de "asas" é linda ne?
A dos proximos (se for a mesma) vao ser lindas tambem
Beijos

Cassia disse...

Vou falar da capa do livro parece infantil, mas o que isso muda o livro pode ser muito bom mesmo com uma capa que nos mostre ser de um tema...

Não li a resenha só o comecinho a falta de tempo sabe como é néh...

Passei e visitei

parabéns pelo Blog

http://aleitoracassia.blogspot.com/

Postar um comentário